Ceará de ponta a ponta garante estrada Assaré – Altaneira

Na manhã desta segunda-feira (31), o governador Camilo Santana lançou a segunda etapa do “Programa Ceará de Ponta a Ponta”, para aplicação de recursos na construção de estradas. No pacote lançado ontem, está incluída a construção da estrada Assaré – Altaneira, uma obra avaliada em R$ 26 milhões de reais.

Assim sendo, o governador Camilo Santana retira do sonho para a realidade, uma obra reivindicada há mais de 40 anos. O desejo de se ter uma estrada interligando as duas cidades, remonta aos anos de 1970, quando os prefeitos Chico Fenelon, de Altaneira e Paulo Paiva, de Assaré, reivindicavam que a ligação por asfalto entre Crato e Campos Sales passasse pelos dois municípios, já que se encontravam na rota.

Por outro lado, os políticos de Potengi, Araripe e Campos Sales queriam que a estrada fosse por onde é hoje. As alegações foram várias. Entre elas o aumento do percurso e as serras da Taboca e dos Araçás, com características íngremes.

Na briga de braço, o governador Adauto Bezerra, terminou por deixar Altaneira e Assaré fora do percurso. No governo de Virgílio Távora foram feitas as ligações Altaneira – Nova Olinda e Assaré – Aratama, mas a luta continuou.

Por mais de 200 anos, a ligação entre as regiões do Cariri e Inhamuns se fazia por essa estrada. Era uma estrada real por onde passavam boiadas e tropeiros. Com o surgimento dos veículos motorizados, também foi ela, a primeira rodagem para fazer ligação do Assaré com o Crato.

No entanto, na época invernosa, riachos e o rio Carius faziam das viagens um pesadelo. Isso sem falar do lamaçal em terras de barro vermelho. “Era o dia inteiro de viagem”, como lembra o prefeito Evanderto Almeida que foi caminhoneiro na época.

Quando assumiu a sua primeira gestão, a construção da estrada Assaré – Altaneira, foi uma das reivindicações que fez Evanderto ao governador Lúcio Alcântara. Na gestão do governador Cid Gomes a obra também foi cobrada.

Segundo o prefeito Evanderto, o trecho nunca deixou de ser importante para o Município. Sendo asfaltado, vai melhorar o acesso ao Crato e, acima de tudo, beneficiar uma das regiões mais populosas do Assaré, como o distrito do Amaro, povoado da Andreza e várias comunidades rurais que estão no percurso.

Evanderto Almeida, a convite do governador, participou do lançamento do programa em Fortaleza. E aproveitou para fazer um convite a Camilo: vir inaugurar a Creche da Serra da Ema, recentemente concluída, e se possível, assinar a ordem de serviço da estrada aqui em Assaré.